A minha foto
Às vezes a imaginação falha, o sorriso esconde-se, as ideias ficam com ressaca e a vontade esgota-se. Depois, é preciso deixar que o pensamento esboce a dureza das palavras expostas. É ser sem parecer, e escrever mesmo sem crer.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

97.

P. A- Costumas chorar?
T - Choro todos os dias ...

(Continua ...)

domingo, 21 de novembro de 2010

96.

Niguém morre virgem, a vida fode-nos a todos

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

95.




"Quando a vida te der limões, faz limonadas"

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

94.




"Há algo que se quebrou em mim e, muitas vezes, as pessoas não se apercebem porque sorrio sempre por delicadeza, por respeito pelos outros"

domingo, 14 de novembro de 2010

93. Certo ou Errado ?

Não tenho a mínima paciência para filosofias baratas e muito menos tenho para os típicos falatórios do costume.
Apenas lamento saber que muita gente anda por aí a vaguear à procura da tal resposta que nunca mais chega.
Todos pensam e voltam a pensar que as coisas deveriam ser simples, fáceis e rápidas ... mas aí está o erro mais forte de todos.
Como seria possível lutar por algo se fosse tão fácil de o obter? Como seria possível sentir a tal vitória se assim fosse tão fácil da ter?
No fundo as coisas têm a sua razão de ser e a nós apenas cabe-nos aceita-las, lutar por elas ... fazer sacrifícios e nunca desistir do nosso objectivo, mesmo que esse não seja grande coisa para os outros.
Ainda não tenho a idade certa para saber ver o que está certo ou errado, mas já posso decidir o que quero para mim, as minhas escolhas de hoje serão a minha vida amanhã.
É preciso ser corajosa, não optar pelo lado mau ... saber ver o lado melhor e sobretudo tentar entender os ditos porque's da vida.
Muito muda, muito morre e renasce a cada segundo que passa. É difícil habituarmos-nos àquela ausência que fica ... que falta, ao vazio, à frontalidade ...
Os maiores problemas devem ser assim os mais felizes de sempre, porque lutas-te por eles, porque ultrapassaste-os, porque os sentiste realmente como eles são e devem ser ... se assim não fosse, nada seria igual, nada mudaria e a vida, essa não passaria de uma perda de tempo constante.
Não precisas de ser forte, não precisas de ouvir mil e uma opiniões ... o tempo encarregar-se-à de te obrigar a isso. E o mais engraçado de tudo, és tu aceita-las, tão simples, tão depressa, tão facilmente.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

92.


Quando se tenta é raro o que não se consegue!



quinta-feira, 11 de novembro de 2010

91.

Respira Fundo e conta até dez ... Isso passa!


segunda-feira, 8 de novembro de 2010

90.


video
Não é apenas um adeus, é um até já Pessoal.

domingo, 7 de novembro de 2010

89. Tentei

Tentei explicar-te da melhor forma que sabia.

Ainda és muito pequenino e rijo para poderes entender estas coisas da vida (pensava eu).

Podia dizer-te mil e uma palavras bonitas para poder aliviar o teu sofrimento, podia tentar omitir a verdade, mas tu … entendes demasiado depressa as coisas e sente-as como se fossem apenas tuas e como se fossem para sempre.

Não consegues abstrair-te da realidade, estás muito atento a tudo o que se passa, e eu confesso que me custa saber disso.

Às vezes, as coisas têm mesmo que ser assim, complicadas e estranhas. É muito difícil tentar falar contigo e fazer-te ver que tudo vai mudar, que nada passa de uma fase que parece não ter um fim!

Já faltou muito para que tudo mudasse de vez, falta-me agora um pouco mais de vontade para que tudo corra melhor, bem melhor.

Por apenas alguns momentos perco-me por aí, não sei onde estou … nem quando voltarei á realidade. Gostava de ficar por aqui mais uns tempos, de ver como as coisas mudam, como as coisas acontecem, apenas para poder vê-las...

Não sei se grito, se choro, se sorriu, aqui não há lugar para grandes manifestações de emoções. Tudo mudo a cada gesto teu, e o meu papel passa apenas por segurar-te e manter-te fiel a tudo o que é divulgado na expectativa de uma melhor vida.

Estou cansada de tentar, às vezes eu própria não te suporto mais, é muito difícil lidar contigo. Consegues desiludir-me e fazer-me acreditar que tudo é em vão, que nada passa de palavras atiradas para o ar e que nada passa de um sonho, o meu sonho.

É isso que muda.

Não és mais tu que me comandas, agora sou eu que dito as regras e sou eu que digo quando posso parar.

Ainda não sei se te posso contar tudo, nem até onde posso ir contigo. Estou consciente que tu não aguentas … mas também sei que és mais forte do que pensam.

Eu protejo-te.

Eu ajudo-te.

Eu entendo-te.

Vale muito lutar por ti, vale muito ir ao encontro do que sempre procurei, do que tu sempre procuras-te. O conforto que me deste ao ego foi seguramente a melhor coisa do mundo. Vou sempre esperar por ti, e sentir como tu as coisas.

Aguenta, já falta pouco.

Podes parar de me procurar. Estou aqui, Voltei.

Telma Palma

88.

Quando se tenta, é raro o que não se consegue =)

sábado, 6 de novembro de 2010

87.




No meio de tanta mentira sobre ti, há sempre alguma coisa verdadeira e única =')

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

26º Dia - Z

Z - Zara


Difícil é não gostar de nada ^^


quinta-feira, 4 de novembro de 2010

25º Dia - Y

Y - You

Se não fosses "Tu" nada disto fazia sentido!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

24º Dia - X

X - Xarope

Ainda hoje me lembro daquele horrivel sabor, a culpa é tua ... Mãe!

terça-feira, 2 de novembro de 2010

23º Dia - W

W - Wind (Vento)


Tudo o que o vento traz, tudo leva


W- Worten


Worten Sempre !

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

22º Dia - V

V - Vicky
Gosto Muito de Ti <3



V - Verdade



Os erros passam, a verdade fica